Ouça agora na Rádio

N Notícia

Lucas Maciel

FOTO: Lucas Maciel

Novo técnico do União fala pela 1ª vez sobre planejamento para 2019

Daniel (à direita), ao lado do auxiliar Marcelo, do supervisor Cláudio e do apresentador Almir Zanetti

O gaúcho Daniel Franco de 47 anos é o novo treinador do Clube Esportivo União, e falou pela primeira vez na Rádio Educadora nesta quinta-feira (1). Há dois meses e meio em Francisco Beltrão, ao lado do auxiliar técnico Marcelo Cupini, o novo treinador do azulão tem observado vários atletas em todo o país, pensando na montagem do elenco para 2019, quando a equipe beltronense disputa a Segunda Divisão do Campeonato Paranaense, com o planejamento de retornar à elite já em 2020.

Daniel foi jogador profissional por mais de 20 anos, e iniciou a carreira no SC Internacional como lateral esquerdo, passando por Corinthians, Atlético-MG, Bahia, Avaí, St. Pauli-ALE, Brasil de Pelotas, Inter de Limeira, São José-RS, Fortaleza e Santa Cruz-RS. Como atleta encerrou a carreira em 2003 no XV de Piracicaba de São Paulo, quando resolveu parar para estudar educação física. Formado, ele bateu na porta do Internacional e foi contratado para trabalhar nas categorias de base. Após 7 anos trabalhando na base do Internacional, Daniel assumiu como auxiliar técnico de Roger Machado no Novo Hamburgo em 2014. Quando Roger deixou a equipe para assumir o Grêmio, Daniel Franco foi efetivado e iniciou o trabalho ao lado de Marcelo Cupini. Naquele ano, o Novo Hamburgo foi eliminado nas quartas de final do Gauchão, após perder nos pênaltis justamente para o Grêmio.

Depois de trabalhar no Novo Hamburgo, Daniel teve passagem pela Lajeadense, onde trabalhou com Wellington Monteiro, ex-União, que intermediou a negociação entre a diretoria beltronense e o novo comandante.

Ao lado do auxiliar técnico e do supervisor Claudio Stankievsk, o novo treinador do União já observou 380 atletas em vários estados, e deve montar o elenco com até 27 nomes. A pré-temporada inicia apenas em janeiro, já que o campeonato tem previsão de início somente em abril. Quanto ao perfil dos atletas e o estilo de jogo, Daniel Franco disse que pretende montar uma equipe ofensiva.

“Profissionalismo dentro e fora de campo é uma das premissas que levo desde o tempo de atleta, tudo que nós fazemos é espelho para o grupo, e a ideia é buscar atletas que se encaixem dentro deste perfil, pensamos sempre em propor o jogo, sem pensar só em se defender, quanto a isso o torcedor pode ficar tranquilo”.

A Divisão de Acesso 2019 do Campeonato Paranaense de Futebol terá 10 equipes, sendo que as duas melhores garante uma vaga na 1ª divisão de 2020 e as duas piores caem para a terceira divisão. Além de União, participam Iraty, Prudentópolis, Paranavaí, Independente de São José dos Pinhais, PSTC, Batel, Rolândia e mais duas equipes que sobem da terceira divisão, que atualmente está na fase semi final, com Verê, Grêmio Maringá, Apucarana e Nacional de Rolândia.

FONTE: Lucas Maciel
Link Notícia