Ouça agora na Rádio

N Notícia

Luiz Carlos Maciel e Antônio Agostinho Muando – Foto Gleyson Longo

FOTO: Luiz Carlos Maciel e Antônio Agostinho Muando – Foto Gleyson Longo

Angolano que cursa teologia no Brasil quer ser pastor missionário na sua terra

Francisco Beltrão

Nesta sexta-feira (20) o angolano Antônio Agostinho Muando, 27 anos, foi entrevistado no programa Plantão Policial na Rádio Educadora e prestou um depoimento emocionante de sua vida.

Antônio é estudante de Teologia em Maringá, onde fica em regime de internato e nas férias vem para Francisco Beltrão na casa de sua família social onde foi adotado pelo sargento aposentado da PM Orides Vieira Sarmento e sua esposa Leci.

Antônio que chegou a cursar dois anos de medicina em uma faculdade pública e um ano e meio no curso de direito, disse que optou pela Teologia por que desde criança alimenta o sonho de ser pastor missionário e poder voltar para Angola, sua terra e alimentar espiritualmente seu povo.

Antônio disse que como médico, também poderia ajudar as pessoas, mas sua vida mudou quando tinha sete anos de idade e seu país enfrentava uma sangrenta guerra civil, e foi quando a princesa Diana, fez uma visita ao país e ele pode vê-la pessoalmente e decidiu então que iria ser missionário.

Antônio tem ainda dois anos de estudo e depois de formado volta para a Angola. Ele disse que para se manter conta com a ajuda de várias pessoas que acreditaram no seu projeto, e durante as férias ele vende material didático que é fornecido pela faculdade. Ele ficará mais duas semanas na casa dos pais adotivos e ao final das férias retorna para Maringá.

Quem desejar conhecê-lo ou ouvir um pouco mais de sua história pode entrar em contato com o telefone (46) 99913-0611.

FONTE: Lucas Maciel
Link Notícia