Ouça agora na Rádio

N Notícia

Adolfo Pegoraro

FOTO: Adolfo Pegoraro

Sinoê anuncia saída do Marreco

O pivô Sinoê, autor de 100 gols com a camisa do Marreco, confirmou a sua saída do clube beltronense nesta segunda-feira (2). Em entrevista exclusiva ao repórter Lucas Maciel da Rádio Educadora, o atleta não disse onde vai jogar, mas confirmou que acertou com outro clube logo após a diretoria do Marreco abrir as portas para os atletas que ficariam sem contrato no fim deste mês. A saída do artilheiro faz parte da reformulação do elenco anunciada pela diretoria do clube, que ainda não confirmou a permanência de nenhum atleta, muito menos qualquer contratação para 2020. 

Anunciado no Marreco em abril de 2017 após curta passagem no futsal japonês, Sinoê disputou 121 jogos e marcou 100 gols pela equipe beltronense, sendo 50 jogos e 45 gols somente em 2019. Artilheiro na Liga Nacional ao lado de Rodrigo do Sorocaba em 2018, Sinoê voltou à seleção brasileira após as boas atuações pelo Marreco. Na entrevista, ele afirma que gostaria de ficar em Francisco Beltrão, mas só está saindo devido ao anúncio feito pela diretoria. "Muito se falou sobre a minha saída na metade do ano, mas como todos ao meu redor sabem o meu interesse sempre foi de ficar e agora no final do ano tive propostas boas de grandes clubes do Brasil e deixei pra trás pra ficar no Marreco, só que aí após o jogo contra o Dois Vizinhos a diretoria chegou e nos disse que não sabe como vai ser a parte financeira para o ano que vem e acabou liberando todos nós para negociarmos com outras equipes e eu como profissional não posso ficar esperando o que vai ou não acontecer com o Marreco, estou em um momento bom na minha carreira e tenho que me valorizar também", afirmou.

O atleta está lesionado desde o dia 13 de novembro quando após o jogo contra o Foz Cataratas em Salto do Lontra foi constatada uma fascite plantar que o tirou dos últimos jogos. A vontade do pivô é de se despedir em casa com um título, e se caso isso aconteça ele deverá fazer um esforço para estar em quadra. Sobre o ano conturbado no Marreco, Sinoê disse que faltou um pouco mais de acerto tanto do elenco quanto da diretoria. "Foi um ano muito complicado pra nós dentro e fora de quadra, a parte da diretoria deixou a desejar como a gente também deixou a desejar dentro de quadra em alguns momentos, mas tem essa chance de chegar a mais uma final se a gente passar pelo Dois Vizinhos, e não que seja tapar o sol com a peneira, mas é uma grande possibilidade de conquistar um título", disse Sinoê que está com 35 anos e projeta atuar por mais três temporadas. 

A tendência é que o anúncio oficial do próximo clube a contar com os gols de Sinoê seja feita após o término da participação do Marreco na Liga Futsal Paraná, o que pode ocorrer já nesta terça-feira (3) se a equipe for eliminada na seminal diante do Dois Vizinhos. 

 

 

FONTE: Lucas Maciel
Link Notícia

Enviar Recado

Nossa Programação

Links Úteis