Ouça agora na Rádio

N Notícia

Réptil com poder de rinoceronte: pele desta serpente é a mais resistente do mundo

FOTO: CC BY-SA 3.0 / Ltshears / Calabar Serpent Charina reinhardtii at Louisville Zoo

Réptil com poder de rinoceronte: pele desta serpente é a mais resistente do mundo

A pele da píton Calabar, serpente da África equatorial, pode ser mais grossa e resistente do que a de outras serpentes do mundo, segundo um estudo, citado pelo portal científico Mongabay.

Todas as informações compartilhadas Sputnik Brasil

Segundo a pesquisa, a pele da píton Calabar (Calabaria reinhardtii) é 15 vezes mais grossa e é muito mais difícil de perfurar do que a de outras espécies. A alta resistência é consequência da estrutura especial da pele. Colágeno é distribuído em camadas de forma perpendicular em relação às camadas superiores e inferiores — a estrutura entrecruzada parece mais com a pele de um rinoceronte do que com a pele de outras cobras.

Cientistas acreditam que a pela grossa da píton seja resultado evolutivo para proteger a cobra de mordidas de roedores que defendem seus filhotes — principal alimento de pítons Calabar.

Apesar de ser grossa, a pele da cobra é muito flexível e quase impenetrável. Essa combinação única já atraiu atenção de uma empresa farmacêutica que espera imitar a estrutura desta pele para criar luvas médicas resistentes a picadas.

"Nenhuma outra cobra se aproximou das condições da pela de Calabar. É realmente uma novidade entre serpentes", afirmou o coautor do estudo, Bruce Young.

Além da pele extraordinária, a cobra tem outras caraterísticas fisiológicas curiosas. Por exemplo, a espécie parece "uma cobra com duas bundas", como descreveu a filha de 10 anos de Young. Em outras palavras, a cabeça e o rabo da serpente possuem quase a mesma aparência, pois ambos os extremos são contundentes e ovais.

FONTE: SPUTNIK BRASIL
Link Notícia