Ouça agora na Rádio

N Notícia

Compulsão por doces – saiba como controlar

FOTO: © Divulgação/Imagens da internet

Compulsão por doces – saiba como controlar

Você já se pegou a noite com uma vontade enorme de comer um doce, pão, massa ou chocolate? Pois é, essa vontade aparece normalmente no fim da tarde devido ao desequilibrio do nível de açúcar no sangue gerado durante o dia.

Todas as informações compartilhadas são do site sobre saúde e esportes ATIVO.COM, acesse!

 

O desejo de comer doces é sinal de que seu organismo está com queda de açúcar no sangue (hipoglicemia), que faz com que o desejo por doce fique ainda maior. O organismo torna-se vítima de um efeito gangorra, no qual os níveis de açúcar no sangue sobem e descem desequilibradamente.

O açúcar e a farinha refinada por exemplo, provocam aumento rápido da glicose, em consequência disso provoca uma queda rápida também. Isso faz  crescer a vontade de ingerir mais esses alimentos gerando uma compulsividade alimentar. É por isso que, se você começar a comer um doce, ou um pão branco, ou um chocolate, acaba querendo mais depois.

Existem alguns micronutrientes que auxiliam na captação da glicose através da potencialização da insulina, por exemplo, o cromo. O consumo exagerado de alimentos refinados (principalmente a farinha de trigo branca e o açúcar refinado) causa depleção desse mineral no organismo, que faz gerar mais vontade de consumir esses alimentos, desencadeando um ciclo vicioso.

Mais de 80% do cromo presente naturalmente nos alimentos é eliminado com o processo de refinamento. Portanto, a mehor maneira de cortar a dependência química do açúcar é tentar evitar ao máximo o consumo de pães brancos, doces, massas, chocolates. Prefira inhame, batata doce, abóbora, pães integrais, doces light (menor quantidade de açúcar), massas com farinha integral e chocolates com maior porcentagem de cacau ou meio amargo.

Além do cromo, outros micronutrientes importantes que atuam no metabolismo da glicose e na saciedade são: magnésio e manganês.

Alguns alimentos fontes:

Cromo: fígado, ostra, ovos, levedo de cerveja, brócolis, feijão verde, laranja, carne vermelha, peito de peru, banana, maçã;

Magnésio: castanhas, soja, leite, cereais integrais, abacate, banana, folha de beterraba, tofu, caju, tomate, salmão, espinafre, aveia, arroz integral;

Manganês: grãos integrais, leguminosas, nozes, chás, damasco, aveia, soja, agrião, pêssego, amêndoa, feijão;

É importante nutrir o corpo com alimentos integrais, variados e repletos de nutrientes para equilibrar a glicose, retardar a fome evitando assim a compulsão.

FONTE: WWW.ATIVO.COM
Link Notícia