Ouça agora na Rádio

N Notícia

Dana admite planos de realizar superluta entre Conor McGregor e Georges St-Pierre

FOTO: GSP e McGregor teriam de vencer próximas disputas de cinturão para duelo ser realizado, segundo Dana. FOTO: Reprodução

Dana admite planos de realizar superluta entre Conor McGregor e Georges St-Pierre

Presidente estima público de 100 mil fãs em Dublin para duelo entre astros

As informações são do portal de notícias esportivas SUPER ESPORTES, acesse!

 

O presidente do Ultimate Fighting Championship, Dana White, revelou a intenção de realizar uma superluta entre os astros Conor McGregor e Georges St-Pierre. O dirigente destacou que todos os lutadores desejam enfrentar o irlandês, e GSP não é exceção, e vislumbrou grandes arenas como palco do combate. A condição para o duelo ser realizado, segundo o chefão do UFC, é o sucesso de ambos nas próximas disputas de cinturão. 

“Todo mundo é intrigado com Conor McGregor. Quero dizer, se você olha para ele como peso-pena, peso-leve e meio-médio é intrigante. Poderíamos fazer essa luta no Croke Park, na Irlanda, com capacidade para 100 mil pessoas; ou em Toronto, onde já tivemos 56 mil pessoas. Também temos Las Vegas, que é sempre muito bom”, declarou Dana ao site MMA Weekly

Conor McGregor ainda curte período de descanso depois da derrota na superluta de boxe contra Floyd Mayweather, realizada em agosto, e não tem previsão de retorno ao cage. O irlandês conquistou o cinturão dos leves em novembro do ano passado, com nocaute sobre Eddie Alvarez, se tornando o primeiro lutador do UFC a ser campeão em duas categorias simultaneamente – já possuía o título do peso pena, abdicado posteriormente. Provavelmente, o próximo adversário do ‘Notorious’ será Tony Ferguson, em duelo pelo cinturão unificado dos leves.

Já Georges St-Pierre é o maior campeão da história da divisão dos meio-médios do UFC, com nove defesas seguidas de títulos. No retorno ao octógono, ele disputará o cinturão dos médios contra Michael Bisping, no UFC 217, em 4 de novembro, em Nova York.  O canadense não luta desde o triunfo sobre Johny Hendricks, em novembro de 2013, quando abdicou do cinturão e anunciou pausa na carreira. 

Em caso de superluta, o mais provável é que a disputa seja no peso meio-médio, categoria de origem de St-Pierre. Conor McGregor, inclusive, já lutou na divisão até 77kg em duas oportunidades, ambas contra Nate Diaz, no ano passado, com uma vitória e uma derrota.

FONTE: SUPER ESPORTES
Link Notícia