Ouça agora na Rádio

N Notícia

Divulgação/Internacional

FOTO: Divulgação/Internacional

Com mais um gol de Guerrero, Inter bate o Avaí e mantém invencibilidade no Brasileiro

Além do peruano, Edenilson também marcou e garantiu 2 a 0 no placar

Informações compartilhadas Superesportes
 
O Internacional manteve o bom momento na temporada na tarde deste domingo. Recebendo o Avaí no Beira-Rio pela 7ª rodada do Campeonato Brasileiro, a equipe de Odair Hellmann sofreu no primeiro tempo, mas contou com a estrela de Guerrero para abrir o placar no segundo tempo e transformar a partida complicada em uma boa vitória por 2 a 0. Edenílson marcou o segundo dos gaúchos.
 
Em mais uma boa atuação, Guerrero chega a marca de quatro gols nas ultimas quatro partidas. Ao todo, o peruano balançou as redes em nove dos 13 jogos com a camisa do Inter, alcançando uma média de quase 0,70 tento por partida. O atacante, inclusive, já havia garantido a vitória gaúcha no meio de semana sobre o Paysandu e agora se apresenta à seleção para a disputa da Copa América.
 
Com o resultado, o Internacional chegou ao sétimo jogo sem derrota somando todas as competições que disputa, vai aos 13 pontos no Brasileiro e assume a quinta colocação. O Avaí, por sua vez, segue sem vencer na competição, estaciona nos três pontos e continua na zona de rebaixamento ao ocupar a 19ª e penúltima posição.
 
O Internacional volta aos gramados pela competição nesta sexta-feira, quando vai ao Rio de Janeiro enfrentar o Vasco, em São Januário, às 20h30 (de Brasília). No dia seguinte, o Avaí recebe na Ressacada, em Santa Catarina, o São Paulo, às 21 horas.
 
Internacional sofre, mas tem a melhor chance da primeira etapa
 
O Avaí adotou como postura para a partida esperar o Internacional no campo de defesa e sair no contra-ataque quando houvesse possibilidade. Sem ter a estratégia neutralizada, os catarinenses finalizaram três vezes antes dos 15 minutos. Na principal delas, Matheus Matias recebeu livre na intermediária e arriscou, tirando tinta da trave.
 
Apesar de dominar a posse de bola amplamente, chegando a alcançar os 70% na estatística, a equipe de Odair Hellmann sofria para criar diante de um Avaí bem postado defensivamente. Para piorar a construção dos mandantes, D’Alessandro fazia partida apagada, assim como Nonato e Nico López, responsáveis por servir Guerrero no comando de ataque.
 
Com o trio de meio-campistas sofrendo para criar as tramas, coube a Guerrero fazer esse papel. O peruano recebeu entre a linha de volantes e a zaga do Avaí, e deu uma cavadinha magistral para Nico López. O uruguaio saiu na cara do gol e bateu rasteiro, mas viu o goleiro Vladimir fazer a intervenção com os pés.
 
Guerrero abre caminho e Edenílson fecha vitória do Inter
 
Após um primeiro tempo de pouca inspiração, o Colorado voltou disposto a mudar a história da partida na etapa final. Melhor na troca de passes, a equipe assustou o adversário logo no começo, quando Guerrero acionou Nico López. Em impedimento, assinalado pelo árbitro posteriormente, o atacante finalizou cruzado para ótima defesa de Vladimir. Mais tarde, foi a vez de D’Alessandro parar no goleiro em cobrança de falta.
 
De tanto martelar, os gaúchos contaram com o faro de gol de Guerrero para inaugurar o placar. Em cobrança de escanteio, Emerson Santos desviou na primeira trave, o peruano venceu disputa de corpo com Betão e chutou forte de perna esquerda. A bola bateu na trave antes de morrer nas redes.
 
Depois de sair atrás, o Avaí se lançou ao ataque, e o Internacional sobre se aproveitar disso. Em contra-ataque fulminante, Guerrero encontrou D’Alessandro, que deu passe açucarado para Sarrafiore acionar Edenílson. O meia passou como quis pela marcação e bateu na saída de Vladimir para decretar o 2 a 0.
 
FICHA TÉCNICA
INTERNACIONAL 2X0 AVAÍ
 
Local: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre-RS
Data: 02 de junho (domingo)
Horário: 19h (de Brasília)
Árbitro: Rodrigo Nunes de Sá (RJ)
Assistentes: Michael Correia (RJ) e Silbert Faria Sisquim (RJ)
VAR: Marcelo de Lima Henrique (RJ) auxiliado por João Batista de Arruda (RJ) e Luiz Cláudio Regazone (RJ).
 
Gols: 
INTERNACIONAL: Guerrero aos 19 e Edenílson aos 31 minutos do 2ºT.
 
INTERNACIONAL: Marcelo Lomba; Zeca (Sarrafiore), Emerson Santos, Victor Cuesta e Uendel, Rodrigo Lindoso, Edenílson, Nonato (Bruno) e D´Alessandro; Nico López (Guilherme Parede) e Paolo Guerrero.
Técnico: Odair Hellmann
 
AVAÍ: Vladimir, Lourenço, Betão, Ricardo e Igor Fernandes, Pedro Castro, Matheus Barbosa (Douglas), Gegê (Getúlio) e João Paulo, Caio Paulista e Matheus Mathias (Daniel Amorim).
Técnico: Geninho
FONTE: Superesportes / Gazeta Press
Link Notícia